quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

' Depois de algum tempo, você aprende a diferença, a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que companhia nem sempre significa segurança. E começa a aprender que beijos não são contratos e presentes não são promessas. E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança. 


                                                          William Shakespeare

.

 Dê valor as coiisas enquanto possuir, poois sentir saudades não é o bastante para tê-las de volta .

sábado, 18 de dezembro de 2010

sábado, 11 de dezembro de 2010

deixa eu brincaaar .

' de estar com você, deixa eu brincar de ser sua heroína, correr na sua frente e dizer que salvei sua vida, brincar de ser feliz vendo o seu e os nossos sorrisos numa foto espontânea. Deixa eu brincar de ser sua heroína e te fazer ficar tonto, perdido num mundo de coisas que posso pôr em sua cabeça e lhe fazer rir por bobeiras, deixa, por favor. Tudo que eu lhe peço é ser sua brincadeira, sua tontura e sua tortura, queria que você pudesse estar do meu lado quando chegasse o momento que eu estivesse caída e sem ter pra onde ir, segurando a minha mão e me dizendo Estou com você, mas não, eu mesma tenho que me dizer o quanto é importante ter só o seu pôster ao lado da minha cama, fazendo o pequeno sorriso que imito todo dia quando penso "Um dia direi que estou com você" . Ps: Eu te amo.

- Lagrimas

não são simples gotas de água. Vêm da alma, da dor que sente sua alma e seu coração quando seu amor se cansa de lutar, quando sua alma chora por dentro e faz um mar imenso que sai por seu reflexo, pelos olhos que são o espelho da alma. É difícil aguentar tanta dor, tanta mentira, tanta decepção, tantos sonhos rompidos, tantas ilusões pisoteadas, aquele amor frustado, carícias perdidas, tanta injustiça e tantas feridas que doem como uma espada atravessando o coração e dói tanto por dentro e por fora . Deve-se ter um sorriso materializando a falsa alegria porque poucas coisas te fazem sorrir quando sua alma está esgotada, mas há uma luz que nunca se apaga porque a esperança continua viva.

- músicas ♪

que fazem pensar, dançar, correr, chorar, gritar, sorrir, beijar, falar, escutar, sentir. Músicas que trazem alegrias, tristezas, desconfianças, memórias, lembranças, momentos. Músicas que levam embora a solidão, o sofrimento, a dor, a tristeza. Músicas que nos permitem sermos livres, leves, soltos. Que nos prometem dias melhores, um amor perfeito, uma vida melhor. Músicas que dizem mais do que palavras comuns. Músicas que nos inspiram. Músicas de uma vida.

sábado, 4 de dezembro de 2010

Sonhos ♥

Às vezes, nossos sonhos caem no chão como pedacinhos de estrelas que pouco a pouco se apagam. Nosso coração, chora em silêncio, e quando as lágrimas caem, gelam todo o corpo e o coração de tanto amar se converte em gelo. Para não sofrer mais, para já não chorar.Mas se voltar ao céu se darás conta que tem milhares de estrelas e cada uma é um sonho para se cumprir e a força em seu interior derreterá o gelo em seu coração.Só nunca deixe de acreditar, porque o amor e teus sonhos são a unica porta para a eternidade.
Se eu soubesse que era a ultima vez, não teria dito nada do que disse,
 não teria feito nada além de abraçar-te e a proveitar cada segundo sem tirar os olhos de voce .
 se tivessem me avisado que era a última vez, eu poderia implorar pra que você ficasse mais um pouco, 
só pra te explicar que mais um pouco seria muito pouco, e que por menos que fosse, já seria muito pra mim. se eu soubesse, 
ah, se eu soubesse! te falaria mil coisas, sem dizer uma palavra, te mostraria mil dias de agonia, em um olhar, 
e quando você estivesse saindo, eu te chamaria de volta, só pra dizer mais uma vez o "eu te amo" que ninguém mais vai ouvir, e te dar um último abraço, com o amor que ninguém mais vai te entregar.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Tenho em minhas mãos dois caminhos, duas decisões, mesmo quando tudo parece desabar cabe a eu decidir, entre rir ou chorar, entre ir ou ficar, entre desistir ou lutar, se o mar está revolto posso ficar na praia ou sair para pescar e, talvez, nunca mais voltar. Tenho em minhas mãos o bem e mal e entre eles poucos pensamentos, um diz para fazer sem culpa, o outro pensa, reflete e pede para esperar. Enquanto o mundo se perde em erros, posso me manter sereno, sem medo porque tenho a chave da minha vida em minhas mãos, então hoje, me sinto mais forte, pois atravessei os desertos da alma, amei quem não me amou e deixei de lado quem muito me amava, atravessei caminhos nem sempre floridos, que deixaram marcas profundas em mim, mas amei e fui amado, por isso, tenho em minhas mãos bem mais que a vida, tenho a duvida, a certeza a esperança e o medo, o desejo e a apatia, o trabalho e a preguiça, e me dou o direito de errar sem me cobrar e acertar sem me gabar, porque descobri no caminho incerto da vida, que o mais importante é o decidir, e decidi, de uma vez por todas ser simplesmente FELIZ e esse caminho não tem volta.